Blog comprometido com as mais diversas lutas sociais do planeta, particularmente, o que diz respeito a luta pelo socialismo, a ampliação do uso dos software livre Gnu/Linux na busca pela expansão de nossa inteligência coletiva e da cultura livre, além da batalha pela melhoria das condições de vida da população brasileira, sobretudo, do povo negro.

domingo, 5 de setembro de 2010

Carta ao Portal Agência Carta Maior

Acompanho o portal do Carta Maioralguns anos e posso dizer que, pelo menos para mim, ele tem representado um suporte importantíssimo na construção de uma mídia de esquerda no Brasil. Vi o site viver um período de dificuldades em que quase foi à pique, mas se recuperou. Entretanto, sei que o projeto inicial era muito mais amplo e incluia muitas outras possibilidades, como a TV Carta Maior, por exemplo. Por isso escrevo este post, quero incentiva-los a retomar o sentido original. Afinal os sonhos são bons se puderem ser vividos em sua plenitude.

A provável vitória de Dilma nestas eleições aponta para o crescimento dos movimentos de esquerda e neste processo a Carta Maior tem um papel essencial e significativo a desempenhar. Sim, é so vermos quantos dos artigos publicados aqui foram replicados nos variados sites e blogs, semeando o pensamento de esquerda e fazendo o contraponto à grande mídia, hoje aturdida e desesperada.

Eu mesmo, em meu pequeno e minúsculo blog, o Pelenegra, quantas vezes publiquei material de vocês, pois me traziam a clareza da análise sobre os tempos da contemporaneidade e me permitiam trazer esta mesma compreensão a tantos que procuram na grande rede as respostas que os grandes meios de comunicação tradicional não tem como explicitar.

Precisamos enfim, de um projeto editorial mais completo e creio que o Carta Maior tem tudo para empreende-lo. Hoje quando vemos o encaminhamento das eleições não podemos esquecer o papel desempenhado pelos sites e blogs progressistas, ou "blogs sujos", como já fomos chamados, por certo candidato a presidência nestas eleições. Ao contrário de 2006, quando a mídia alternativa ainda engatinhava, e que a mídia dominante deu as cartas. Hoje se não conseguimos fazer o contraponto que gostaríamos, pelo menos incomodamos, e como incomodamos.
Vivemos uma verdadeira guerra midiática, e para o futuro é necessário nos estruturarmos melhor para que nossa energia não se perca. Para tanto creio que a atuação do Carta Maior é primorial, como primo-irmão de todos os minúsculos e pequenos "blogs sujos" da internet brasileira.
Licença Creative Commons
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-ShareAlike 2.5 Brazil License.