Blog comprometido com as mais diversas lutas sociais do planeta, particularmente, o que diz respeito a luta pelo socialismo, a ampliação do uso dos software livre Gnu/Linux na busca pela expansão de nossa inteligência coletiva e da cultura livre, além da batalha pela melhoria das condições de vida da população brasileira, sobretudo, do povo negro.

sábado, 21 de abril de 2012

CUT quer apoio das outras centrais para pressionar bancos a reduzir spread

Fonte: redebrasilatual



CUT quer apoio das outras centrais para pressionar bancos a reduzir spread

A ideia é reivindicar dos bancos particulares que sigam o exemplo dos públicos, e reduzam suas taxas (Foto: Roberto Parizotti/CUT)
São Paulo – A CUT pretende conversar com as outras centrais sindicais para articular um movimento contra o spread bancário, que vem sendo objeto de escaramuças entre o governo e o setor financeiro privado. Segundo o presidente da central em São Paulo, Adi dos Santos Lima, a ideia é reivindicar dos bancos particulares que sigam o exemplo dos públicos, e reduzam suas taxas. "Não queremos só mexer na taxa de juros, mas no spread", afirma Adi.
O governo federal vem insistindo com os bancos privados no sentido de que há margem para redução do spread. Na visão da equipe econômica, para que haja aumento do crédito – fundamental para o crescimento econômico – é preciso que os bancos reduzam suas margens. Por enquanto, apenas o HSBC seguiu o caminho do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal.
A discussão ocorre em meio a mais uma reunião do Comitê de Política Monetária (Copom), hoje (17) e amanhã (18). O mercado aposta em nova redução da taxa básica de juros (Selic), que seria a sexta seguida. O corte poderia chegar a 0,75 ponto percentual, levando a taxa a 9% ao ano.

Licença Creative Commons
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-ShareAlike 2.5 Brazil License.